Premiados

Serão premiados durante o Fórum de Gestão Sustentável 2018 as organizações vencedoras do 25° Prêmio Expressão de Ecologia:


Organização: AMA - Associação dos Amigos do Meio Ambiente
Cidade: Carazinho (RS)
Categoria: Conservação da Vida Silvestre
Título do projeto: RPPN Papagaios-de-Altitude: Educando a Comunidade e Conservando a Natureza
Resumo: A serra catarinense, em especial o município de Urupema, integra dos principais remanescentes de floresta com Araucária no Sul do país. A área abriga várias espécies ameaçadas, como o papagaio-charão, o papagaio-de-peito-roxo, leão-baio e a própria Araucária. Fomentar a criação de unidades de conservação é uma das principais ações da Associação Amigos do Meio Ambiente.

Organização: Apremavi, Klabin, TNC e Sebrae
Cidade: Atalanta (SC)
Categoria: Recuperação de Áreas Degradadas
Título do projeto: Matas Sociais - Planejando Propriedades Sustentáveis
Resumo: O projeto é realizado nos municípios paranaenses de Imbaú, Ortigueira, Telêmaco Borba e Reserva. Tem como objetivo o fortalecimento econômico, ambiental e social de pequenas e médias propriedades rurais. As ações auxiliam o produtor rural na adequação ambiental, legal e paisagística da propriedade, no planejamento e diversificação da produção, fortalecendo iniciativas de associação e cooperativismo.

Organização: Cecrisa
Cidade: Criciúma (SC)
Categoria: Conservação de Água
Título do projeto: Gestão Integrada de Águas
Resumo:
Diante da perspectiva em expandir seu parque fabril, a Cecrisa optou pelo avanço tecnológico voltado principalmente ao processo de preparação e atomização da massa cerâmica. Os investimentos focaram o tratamento de efluentes líquidos, para aumentar sua capacidade e reduzir custos. Houve aperfeiçoamento do processo produtivo, gerando expressivas reduções do consumo hídrico, trazendo valores e conservação ambiental na empresa.

Organização: Celesc
Cidade: Florianópolis (SC)
Categoria: Conservação de Energia
Título do projeto: Banho de Energia - Reaproveitamento do Calor da Chaminé do Fogão a Lenha para Aquecimento de Água em Consumidores Residenciais Rurais e Baixa Renda
Resumo: O projeto instalou 1000 sistemas de aquecimento de água com fogão à lenha, em residências rurais de Santa Catarina e substituiu 10 mil lâmpadas ineficientes por lâmpadas LED. Foi executado nos municípios de Bom Jardim da Serra, Cerro Negro, Lages, Painel, São Joaquim, Urubici e Urupema. Investimentos de R$ 7,3 milhões, geraram uma economia de energia, que representa o consumo de 8.045 residências durante um mês e equivale ao plantio de 790 árvores.

Organização: Cervejaria Lohn
Cidade: Lauro Müller (SC)
Categoria: Resíduos Sólidos
Título do projeto: Boas Práticas Geram Boas Vibrações
Resumo: O processo de produção consiste em alguns elementos líquidos e sólidos que são reaproveitados. Toda água usada recebe tratamento para voltar à natureza limpa como chegou. As sacas de malte viram bolsas criativas. Resíduos de terra dos filtros viram tijolos na cerâmica vizinha. E o malte cozido em nas receitas serve de alimento para o gado na fazenda do fornecedor agrícola.

Organização: Ciser
Cidade: Araquari (SC)
Categoria: Gestão Ambiental
Título do projeto: Gestão Sustentável de Resíduos Sólidos: Ciser
Resumo: Várias ações foram executadas obtendo resultados expressivos na diminuição da geração de resíduos comparados. Reduzindo de 8.851 toneladas em 2016 para 5.206 em 2017, atenuou os impactos para o meio ambiente e prolongou a vida útil do aterro industrial da região. Através desse trabalho foi possível identificar uma mudança de cultura organizacional e outras ações como esta serão
implantadas.

Organização: Copercampos
Cidade: Campos Novos (SC)
Categoria: Energias Limpas
Título do projeto: Usina de Energia Solar
Resumo: O projeto está instalado na unidade Granja dos Pinheiros, localizada na BR 470 Km, em Campos Novos. Seu principal objetivo, além da redução de despesas, está na geração de energia limpa, renovável e sustentável. A Usina Copercampos ajudou o meio ambiente com uma economia de 20 mil árvores por ano que deixam de ser derrubadas, o que significa uma redução de 200 ton/ano de CO2.

Organização: Costão do Santinho Resort
Cidade: Florianópolis (SC)
Categoria: Gestão Ambiental
Título do projeto: Gestão Ambiental no Costão do Santinho Resort
Resumo: Com a implantação do Sistema de Gestão Ambiental ao longo de mais de vinte anos,  foi possível harmonizar o turismo de qualidade com a integração e conservação da natureza, priorizando neste contexto a redução de impactos e a busca da sustentabilidade. Recebe anualmente cerca de duzentos mil turistas do mundo todo que entram em contato com a natureza. Desta forma contribui para a qualidade de vida de seus clientes, fornecedores, colaboradores e comunidade.

Organização: Ecopef
Cidade: Concórdia (SC)
Categoria: Conservação de Recursos Naturais
Título do projeto: Monitoramento de Transgressões Ambientais no Parque Estadual Fritz Plaumann
Resumo: O projeto é realizado no Parque Estadual Fritz Plaumann, município de Concórdia. O projeto tem como objetivos identificar e monitorar os crimes ambientais realizados no interior da Unidade de Conservação, e em sua Zona de Amortecimento, sendo monitorado locais estratégicos onde há a pressão de atividades clandestinas, como a caça e a pesca, que ameaçam a conservação da fauna e da flora. 

Organização: Embrapa Florestas
Cidade: Colombo (PR)
Categoria: Marketing Ecológico
Título do projeto: Estradas com Araucárias
Resumo: Estradas com araucárias é um projeto de Pagamentos por Serviços Ambientais (PSA) que envolve parceria da Iniciativa Privada com Instituições Públicas (Embrapa Florestas, SEMA, IAP, Emater, SEAB, Unicentro, UDESC e UFPR). Incentiva o plantio de araucária nas divisas de propriedades rurais com as estradas. Os produtores recebem pagamento pelo plantio. Nos seis anos do projeto, os patrocinadores tiveram ampla exposição de suas marcas.

Organização: Epagri
Cidade: Florianópolis (SC)
Categoria: Agropecuária
Título do projeto: Organização e Melhoria no Sistema de Produção Orgânica de Banana Prata no Extremo Sul Catarinense
Resumo: Apoio financeiro aos agricultores na área de seis municípios do Extremo Sul catarinense e responsáveis pela produção de 72.723 t de banana. Insatisfeitas com a forma de plantio convencional, com uso de agroquímicos, famílias buscavam outra forma de produzir e optaram pela orgânica. Com o apoio do programa, projetos no total de R$1 milhão e, assim, deixaram de depositar cerca de 337 t de adubos químicos e 45.000 l de calda de agrotóxicos por ano.

Organização: Escola Visconde de Taunay
Cidade: Blumenau (SC)
Categoria: Educação Ambiental
Título do projeto: Projeto Escola Sustentável e Criativa
Resumo: Proposta ecoformadora e criativa de reorganizar os espaços e o currículo e que tem como objetivo adotar práticas de sustentabilidade, adaptando seus espaços e tempos, para sensibilizar alunos e famílias. A escola desenvolveu uma formação ecológica de professores que resultou num livro, que mostra os Projetos Criativos Ecoformadores desenvolvidos na escola e que são uma nova proposta metodológica de trabalhar em sala de aula.

Organização: Grendene
Cidade: Farroupilha (RS)
Categoria: Conservação de Água
Título do projeto: Reuso de Efluentes Gerados na Indústria - Redução do Consumo de Água Potável
Resumo: As unidades localizadas no Rio Grande do Sul e no Ceará ficam em regiões onde a crise hídrica é rotineira e as chuvas esparsas. O principal objetivo dessas ações é a diminuição da captação de água potável para fins não nobres. O principal resultado alcançado foi a diminuição do consumo de um dos insumos mais nobres do nosso planeta, a água potável.

Organização: Hospital Regional Terezinha Gaio Basso
Cidade: São Miguel do Oeste (SC)
Categoria: Gestão Ambiental
Título do projeto: Gestão Ambiental Hospitalar
Resumo: Inicialmente a Comissão nasceu com o objetivo de realizar ações voltadas para os resíduos sólidos, porém foram mudando para outras atividades além dos resíduos com foco na preservação ambiental. Como medidas para redução de energia (ar condicionado e gerador), coleta e destinação adequada dos resíduos de óleo de vegetal, reutilização e reciclagem de materiais, compostagem, horta sustentável, plantio de vegetação, entrega de mudas para pacientes e painéis informativos.

Organização: Klabin
Estado: Santa Catarina
Categoria: Manejo Florestal Sustentável
Título do projeto: Mosaicos Florestais e a Conservação de Recursos Naturais
Resumo: As áreas da Klabin em Santa Catarina estão distribuídas entre as Regiões Hidrográficas do Planalto de Lages (RH 4), Planalto de Canoinhas (RH 5) e Vale do Itajaí (RH 7), somando mais de 136 mil hectares dentro do Bioma Mata Atlântica. Desta área total, mais de 67 mil hectares são de florestas nativas preservadas, contornando 5.432,95 KM lineares de margens de rios e corpos de água, em 40 municípios de atuação.

Organização: Malwee
Cidade: Jaraguá do Sul (SC)
Categoria: Energias Limpas
Título do projeto: Uso da Biomassa na Redução da Emissão de Gases de Efeito Estufa
Resumo: A empresa investiu cerca de R$ 7 milhões na substituição das caldeiras de gás natural (sua principal fonte de emissão de GEE) por uma caldeira de queima de biomassa (cavaco de madeira). Com o início das operações em 2017, o uso da biomassa como combustível para geração de energia térmica trouxe resultados expressivos, permitindo ao Grupo Malwee superar a meta global do Plano 2020 e obter uma redução de 77% nas emissões de GEE da companhia.

Organização: OBA - Organização Bem-Animal
Cidade: Florianópolis (SC)
Categoria: Bem-Estar Animal
Título do projeto: Saúde Única: Integração Entre a Saúde dos Animais de Companhia, Pessoas e Meio Ambiente nas Aldeias Indígenas da Grande Florianópolis
Resumo: Desenvolvido em dez comunidades indígenas da Grande Florianópolis (SC): Maciambu, Morro dos Cavalos, Praia de Fora 1 e 2 e Cambirela (município de Palhoça), M´Biguaçu, Amaral e Amâncio (município de Biguaçu), Itanhaém (Tijucas) e Canelinha. Identificados em torno de 400 animais de companhia: 300 cães e 100 gatos. O objetivo é contribuir para a saúde única das aldeias através de ações de educação ambiental, orientações e cuidados veterinários. 

Organização: Porto de Imbituba
Cidade: Imbituba (SC)
Categoria: Conservação de Energia
Título do projeto: Remodelação e Ampliação da Iluminação dos Três Cais do Porto de Imbituba: Tecnologia LED
Resumo: O projeto avaliou e comprovou a viabilidade econômica da instalação de iluminação a LED nos três cais do Porto de Imbituba. Foram levantados todos os custos de implantação de cada equipamento e periférico componentes de ambas as alternativas através do método “bottom-up” e estimados os custos de manutenção dos sistemas para o cálculo de “payback” da opção proposta. A economia de energia observada chega a 50%.

Organização: Portobello
Cidade: Tijucas (SC)
Categoria: Resíduos Sólidos
Título do projeto: Resíduos Sólidos: Gerenciamento, Reaproveitamento e Valorização na Portobello
Resumo: Implantação de um sistema de gerenciamento de resíduos sólidos para diminuir a geração de resíduos e o envio para aterros sanitários. Envolve o planejamento das etapas de gerenciamento de resíduos da empresa, valorizando a “não geração”, a reutilização, o reaproveitamento e a reciclagem. Por conta desse projeto, a empresa enviou para aterro sanitário apenas 0,35% do resíduo, reutilizando e reciclando a maior parte do volume.

Organização: Rio Deserto
Cidade: Criciúma (SC)
Categoria: Controle da Poluição
Título do projeto: Projeto Ozônio - Balanço de Massa e de Energia do Tratamento da Drenagem Ácida de Mineração
Resumo: Desenvolvido no Setor Mina São Geraldo, Siderópolis (SC), este projeto realizou o tratamento da DAM. Busca a remoção dos metais pesados, utilizando como critério de avaliação o balanço de massa e de energia. O ozônio destaca-se por ser uma fonte limpa sendo gerado através do ar e após o tratamento volta a sua origem. É menos prejudicial ao meio ambiente, não gerando impactos negativos.

Organização: RIOVIVO Ambiental
Cidade: Brusque (SC)
Categoria: Controle da Poluição
Título do projeto: Resultados e Potencialidade da Maior ETE de SC para o Controle da Poluição em Brusque e Região
Resumo: Possui e opera uma Estação de Tratamento de Efluentes (ETE) em Brusque/SC. A operação junto à rede coletora tem cerca de 50 Km de extensão. São tratados os efluentes coletados por caminhões nas indústrias ou fossas da cidade e região. São tratados mais de dois milhões de metros cúbicos de efluentes, o que diminui a poluição do rio Itajaí Mirim. Empenha-se em solucionar o saneamento do município, cujo índice de esgoto doméstico tratado é zero.

Organização: RPPN Catarinense
Cidade: Blumenau (SC)
Categoria: Educação Ambiental
Título do projeto: Guia de Educação Ambiental: Guardiãs da Natureza, como as RPPN Protegem os Rios e a Biodiversidade
Resumo: O material educativo traz informações sobre o uso razoável dos recursos da terra e preservação das espécies e os habitats naturais. Também valoriza a importância das reservas na conservação do Bioma Mata Atlântica. O Guia de Educação Ambiental é um material de fácil compreensão para ser utilizado em sala de aula nas diversas escolas de entorno das RPPN. 

Organização: Tupy
Cidade: Joinville (SC)
Categoria: Tecnologia
Título do projeto: Transformando Resíduo em Matéria Prima para a Fundição
Resumo: O ferro cinzento é um material utilizado para fundição de peças, porém seu uso faz com que se tenham muitas sobras no processo de usinagem, gerando cavacos soltos não sendo totalmente reaproveitados. A reutilização do ferro cinzento prensado, que dá origem ao briquete, foi o foco deste estudo. Eliminam-se os problemas, com a transformação do resíduo em matéria prima.

Organização: Unimed Londrina
Cidade: Londrina (PR)
Categoria: Reciclagem
Título do projeto: Eu Ajudo na Lata
Resumo: Objetiva arrecadar lacres de alumínio e reverter o valor adquirido com a venda na compra de cadeiras de rodas. Um total de 11.499 garrafas pets cheias de lacres ou 7.360 kg de alumínio, beneficiou  29 instituições com 82 cadeiras de rodas, além, da separação correta e reciclagem dos resíduos coletados (alumínio e plástico das garrafas pets).

Organização: Unisinos
Cidade: São Leopoldo (RS)
Categoria: Educação Ambiental
Título do projeto: Horta Mãe-da-Terra: Educação Ambiental e Cidadania
Resumo: O Projeto utiliza a horta como uma ferramenta pedagógica, de baixo custo e fácil replicação, desenvolvido em Escolas Municipais de Ensino Fundamental, São Leopoldo, RS. São desenvolvidas atividades sobre o preparo do solo, plantio, manutenção de canteiros, colheita e produção de mudas. Além disso, atua na recuperação de áreas de nascentes.

Organização: Volvo do Brasil
Cidade: Curitiba (PR)
Categoria: Resíduos Sólidos
Título do projeto: Aterro Zero
Resumo: O projeto incluiu as unidades de Curitiba e São José dos Pinhais. O principal objetivo é a eliminação de resíduos em aterro, resultado obtido após uma série de medidas, como a definição da destinação de resíduos específicos cuja destinação para processos que não caracterizem aterro é bastante complexa. Como principais resultados pode-se apontar a eliminação da disposição de resíduos em aterro com consequente redução do risco de passivos ambientais.

Organização: Volvo do Brasil
Cidade: Curitiba (PR)
Categoria: Educação Ambiental
Título do projeto: Liga da Sustentabilidade
Resumo: O projeto busca a conscientização e promoção do engajamento dos funcionários administrativos e operacionais. Dentro dessa temática foram criados os personagens dedicados a evitar o desperdício de recursos naturais. Ainda, houve a criação de identidade para as ações de conscientização ambiental, promovendo maior comprometimento das pessoas com o tema.

Organização: Whirlpool
Cidade: Joinville (SC)
Categoria: Gestão Ambiental
Título do projeto: Para Além da Gestão Ambiental Clássica: Impulsionando a Performance Ambiental Através da Metodologia WCM
Resumo: A empresa decidiu implantar a metodologia de gestão WCM (World Class Manufacturing), que conta com um Pilar Técnico de Meio-Ambiente, o qual busca reduzir os impactos ambientais da manufatura através de uma abordagem lógica e sistemática e rigor na execução. Com pouco menos de 1 ano de implantação a metodologia melhorou seu desempenho, reduziu custos e conscientizou mais pessoas.

Organização: Zen
Cidade: Brusque (SC)
Categoria: Controle da Poluição
Título do projeto: Troca de Atmosfera dos Fornos do Setor de Tratamento Térmico
Resumo: Diminuir o consumo de gás no processo de formação e preparação da atmosfera dos fornos, através das trocas dos gases dentro dos fornos. As mudanças propostas consistem em alterar a preparação da atmosfera no processo de cementação, diminuir o consumo de metanol, eliminar o consumo de nitrogênio de processo, substituir o consumo de GLP em alguns fornos para GN, reduzir o tempo de preparação e reduzir o tempo de processo.

Últimas notícias
Cadastro
Portfólio editorial

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.