01/08/2013

Neve provoca interdição de trilhas no Parque do Itajaí

Em parte das trilhas, o solo também foi afetado pela neve
Foto: ICMBio

A chefia do Parque Nacional da Serra do Itajaí, em Santa Catarina, suspendeu, temporariamente, a visitação em algumas trilhas da unidade. A decisão foi tomada para proteger os turistas depois que uma forte nevasca, acompanhada de tempestade e chuva gelada, atingiu a região, causando danos à vegetação.

 

Várias árvores tombaram no meio das trilhas, principalmente na do Morro do Sapo, que fica na parte mais alta da unidade de conservação, gerida pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Os trabalhos de recuperação já foram iniciados e a expectativa é que os atrativos sejam reabertos nos próximos dias.

 

"Embora a manutenção não seja simples, visto que é preciso fazer a adequação de drenagem, corte de troncos e galhos e a recuperação do solo, esperamos reabrir a visitação nas trilhas já nas próximas semanas", afirmou o analista ambiental Mário Sérgio Celski. "Mesmo os mirantes não tendo sido danificados, é imprescindível garantir a qualidade da experiência e a segurança da visitação e a conservação do recurso natural em todo o percurso", reforçou ele.

 

De janeiro a junho, o parque recebeu 5.695 turistas. Uma das metas da gestão da unidade é ampliar as opções de visitação, com a readequação de uma trilha de longo percurso ainda este ano: a Trilha Travessia Nascentes, com 23 quilômetros de extensão.

 

A chefia do Parque Nacional da Serra do Itajaí, em Santa Catarina, suspendeu, temporariamente, a visitação em algumas trilhas da unidade. A decisão foi tomada para proteger os turistas depois que uma forte nevasca, acompanhada de tempestade e chuva gelada, atingiu a região, causando danos à vegetação.

 

Várias árvores tombaram no meio das trilhas, principalmente na do Morro do Sapo, que fica na parte mais alta da unidade de conservação, gerida pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Os trabalhos de recuperação já foram iniciados e a expectativa é que os atrativos sejam reabertos nos próximos dias.

 

"Embora a manutenção não seja simples, visto que é preciso fazer a adequação de drenagem, corte de troncos e galhos e a recuperação do solo, esperamos reabrir a visitação nas trilhas já nas próximas semanas", afirmou o analista ambiental Mário Sérgio Celski. "Mesmo os mirantes não tendo sido danificados, é imprescindível garantir a qualidade da experiência e a segurança da visitação e a conservação do recurso natural em todo o percurso", reforçou ele.

 

De janeiro a junho, o parque recebeu 5.695 turistas. Uma das metas da gestão da unidade é ampliar as opções de visitação, com a readequação de uma trilha de longo percurso ainda este ano: a Trilha Travessia Nascentes, com 23 quilômetros de extensão.

Fonte: Comunicação ICMBio, com informações do analista ambiental Mário Sérgio Celski, da equipe do parque




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.