04/10/2013

Governo de SC realiza ações do Outubro Rosa focadas nas presidiárias

Como uma forma de conscientização do Outubro Rosa, movimento mundial de mobilização contra o câncer de mama, o Governo do Estado está promovendo uma ação efetiva com foco nas mulheres presidiárias. Serão realizados exames de mama e colo de útero, além de prevenção de doenças. Durante audiência com a coordenadora Estadual da Mulher de Santa Catarina, Jane Ghizzo Schimidt, o governador Raimundo Colombo, destacou a importância do trabalho efetuado no Outubro Rosa.

 

“Está chamando a atenção de todo mundo, isso já é uma grande conquista. Nós focamos nas mulheres que estão no nosso sistema prisional. É uma medida que vai produzir resultados imediatos e de proteção à saúde. Além disso, queremos conscientizar cada vez mais pessoas sobre os alarmantes números das doenças de câncer de mama e colo de útero. O engajamento de todos é fundamental”, disse Colombo. 

 

Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), o número de casos novos de câncer de mama previstos para este ano no Brasil é de 52.680. Em Santa Catarina, 1.630, e em Florianópolis, 157 novos casos. O câncer de mama é uma doença que provoca cerca de 35 mortes por dia no Brasil. Se detectada nos estágios iniciais, a chance de cura da doença aumenta para quase 95%. É por isso que iniciativas como o Outubro Rosa são tão importantes para conscientizar a população sobre a importância do diagnóstico precoce da doença.

 

Em Santa Catarina, o número de detentas é de 1.100. Destas, 295 têm mais de 40 anos. A coordenadora Jane explicou que a intenção é oferecer condições para prevenir doenças nas mulheres que estão privadas de liberdade, que são mais vulneráveis e que não têm acesso ou condição de procurar os exames necessários. “Por isso, esse ano, junto com as secretarias da Saúde, Assistência Social e Justiça e Cidadania, vamos levar até as presidiárias a possibilidade de agendamento da mamografia. Vamos dar prioridade para as mulheres com mais de 40 anos, mas todas terão a oportunidade de fazer os exames de mama e de colo de útero, além de receber orientações sobre doenças sexualmente transmissíveis. É preciso conscientizar todas as mulheres que a prevenção é o caminho”, observou.

 

Além dessas ações, o Governo do Estado também realizará campanhas publicitárias de prevenção, palestras, entre outros. Prédios públicos e monumentos históricos são iluminadas com a cor rosa. 

 

Movimento mundial 
O Outubro Rosa teve início em 1997 na Califórnia, Estados Unidos, e ficou conhecido no mundo inteiro por iluminar prédios públicos com a cor rosa. A Torre de Pisa, na Itália; o Arco do Triunfo, na França; a Casa Branca, nos EUA; e as Pirâmides do Egito já fizeram parte do movimento. No Brasil, já foram iluminados o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro; o Teatro Amazonas, em Manaus; a Pinacoteca, em São Paulo; a Ópera de Arame, no Paraná; e o Memorial Juscelino Kubitschek, em Brasília.

Fonte: Elisabety Borghelotti - SECOM / Governo de Santa Catarina




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.