07/11/2013

Brasil reciclou 98% das latinhas de alumínio em 2012, diz entidade

Latinhas de alumínio feitas a partir de metal reciclado em indústria de Jacareí (SP).
Foto: Juca Varella/Folhapress

O índice de reciclagem de latas de alumínio para bebidas atingiu 97,9% do total disponível no mercado em 2012. Com isto, o Brasil é o país que mais recicla latinhas desde 2001, informou a Abal (Associação Brasileira de Alumínio) e a Abralatas (Associação Brasileira dos Fabricantes de Latas de Alta Reciclabilidade).


No total, foram 267,1 mil toneladas recicladas de 19,8 bilhões de embalagens, o correspondente a 54,1 milhões por dia, ou 2,3 milhões por hora.

A porcentagem de reciclagem é menor do que em 2011, mas as associações apontam a alta no número de latas comercializadas como causa. O volume de latas aumentou 7,8%, enquanto a coleta cresceu 7,4%.

Segundo o coordenador da Comissão de Reciclagem da Abal, Carlos Roberto Morais, a cadeia de reciclagem está estruturada para absorver e processar volumes cada vez maiores de latas descartadas. "Trata-se de um modelo de coleta e de reciclagem concebido no Brasil e com intensiva participação dos catadores; prova de que não precisamos importar modelos baseados na realidade de outros países", ressalta Renault de Freitas Castro, diretor-executivo da Abralatas.

Em 2012, a coleta de latas de alumínio para bebidas injetou R$ 630 milhões na economia nacional. Além disso, por consumir apenas 5% de energia elétrica, quando comparado ao processo de produção de metal primário, a reciclagem das latas proporcionou uma economia de 4.000 GWh ao país, número equivalente ao consumo residencial anual de 6,6 milhões de pessoas, em dois milhões de residências.

Fonte: UOL Notícias de Meio Ambiente




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.