09/10/2017 Congresso recebe propostas de modelos inovadores para gestão de Unidades de Conservação

Congresso recebe propostas de modelos inovadores para gestão de Unidades de Conservação

As inscrições para os trabalhos técnicos no IX CBUC devem ser realizadas pelo site do evento.
Foto:
divulgação.

As propostas devem apresentar ferramentas, procedimentos e modelos inovadores para gestão de Unidades de Conservação

 

O IX Congresso Brasileiro de Unidades de Conservação (IX CBUC) vem aí e, com ele, a oportunidade de profissionais que trabalham com áreas naturais protegidas inscreverem trabalhos para apresentação durante o evento. As inscrições de trabalhos técnicos vão até 30 de novembro e devem ser realizadas pelo site do evento.


O IX CBUC, que acontece de 30 de julho a 02 de agosto de 2018 em Florianópolis (SC), traz novidades para as linhas temáticas dos trabalhos técnicos desta edição. Confira:


1. Biologia da conservação: voltado a quem desenvolve estudos que contribuem para garantir a conservação da biodiversidade.

 

A conservação da biodiversidade é o principal objetivo do Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC). A garantia da conservação se faz com a geração do conhecimento necessário sobre o que vamos proteger. Este conhecimento deve estar disponível para a criação, gestão e manejo das Unidades de Conservação (UCs). 


 

2. Comunicação e mobilização da sociedade: para quem desenvolve iniciativas transformadoras.

Como aproximar a natureza do nosso dia a dia? Experiências transformadoras podem trazer uma nova realidade para a conservação de áreas protegidas. Como é possível engajar a sociedade, provocar mudanças reais e alcançar resultados positivos para as UCs? 

 

3. Novas soluções para gestão de áreas naturais: para quem busca inovar.

Os desafios para a conservação de áreas protegidas no Brasil são muitos, mas com criatividade e inovação podemos encontrar a solução de diversos problemas e ainda alcançar resultados incríveis. As soluções para a gestão de UCs são peças-chave para o fortalecimento do Sistema Nacional de Unidades de Conservação. 

 

4. Políticas públicas para conservação: pelo direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado.

Conservar a natureza não é uma tarefa fácil, por isso é necessário o esforço de todos no fortalecimento do sistema de áreas protegidas e na criação de instrumentos para conservação.  A ciência e a técnica são fundamentais para a definição de políticas públicas mais efetivas. 

 

5. Natureza, economia, saúde e bem-estar: para quem busca demonstrar os benefícios das áreas naturais à sociedade.

Quais são os benefícios gerados pela conservação da natureza? Quem ganha com a conservação de áreas naturais protegidas? As UCs podem ser grandes ativadoras da economia, além de trazer inúmeros benefícios para você e sua saúde.

Fonte: Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza.




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.