10/04/2014

Curso capacita municípios paranaenses para controle de espécies exóticas invasoras

Foto: divulgação.

O Instituto Ambiental do Paraná, através do escritório regional de Toledo, no Oeste do Paraná, promove nessa quarta e quinta-feira (9 e 10), curso de capacitação para controle de espécies exóticas invasoras em áreas protegidas. Participam 60 técnicos de 22 municípios, de universidades, Colégio Agrícola de Toledo e do Núcleo de Educação de Toledo. O curso é ministrado pela bióloga contratada Michele Dechoun, do Instituto Hórus de Desenvolvimento e Conservação Ambiental, e é destinado aos técnicos das Secretarias Municipais de Agricultura e Meio Ambiente dos Municípios da região. 

“Nosso objetivo é fazer com que os municípios entendam a gravidade do problema e passem a desenvolver ações que contribuam para o controle e eliminação dessas espécies nos espaços públicos municipais. As espécies exóticas invasoras são consideradas a principal causa de perda de biodiversidade em unidades de conservação no mundo”, explicou Maria Gloria Genari Pozzobon, chefe do Escritório Regional do IAP em Toledo.

Na capacitação, é repassado, de forma teórica e prática, como atuar na identificação, prevenção, erradicação e controle de espécies exóticas invasoras vegetais em Unidades de Conservação.

“Nas Unidades de Conservação todas as espécies exóticas vegetais são identificadas e retiradas e continuamos com um intenso trabalho de monitoramento a fim de prevenir novas infestações. É importante destacar que após a erradicação é realizado o trabalho de recuperação ambiental das áreas reinserindo espécies vegetais nativas”, disse Norci Nodari, gerente das Unidades de Conservação na região (São Camilo, em Palotina, Cabeça do Cachorro, em São Pedro do Iguaçu e Guarani, em Três Barras do Paraná). O curso tem o apoio da prefeitura de Toledo e da empresa BRF, que cedeu a área para realização da parte prática do treinamento.

PROGRAMA - O curso faz parte do Programa de Estado de controle de espécies exóticas invasoras, que foi vencedor do Prêmio Expressão de Ecologia recentemente. O Paraná é pioneiro nesse trabalho, que é realizado nas Unidades de Conservação desde a década de 1980. As espécies invasoras mais encontradas nas Unidades de Conservação do Paraná são Pinus, Uva do Japão, Ligustrum, Capim Colonião, Brachiária, entre outras. O mesmo curso já foi realizado nas regiões de Curitiba, Londrina e Campo Mourão.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em: www.pr.gov.br e www.facebook.com/governopr

Fonte: IAP - Instituto Ambiental do Paraná.




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.