10/04/2015 Acordo investirá 600 mil dólares no combate às mudanças climáticas

Acordo investirá 600 mil dólares no combate às mudanças climáticas

Investimento vai se refletir na preservação da Amazônia. Foto: Acervo ICMBIO.

Assinado entre o Ministério do Meio Ambiente (MMA) e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), documento de cooperação técnica financiará ações com foco na gestão orientada para resultados.

 

O governo federal incrementará os recursos destinados ao combate às mudanças climáticas. Acordo de cooperação técnica assinado entre o Ministério do Meio Ambiente (MMA) e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) permitirá financiamento de US$ 600 mil, com contrapartida local de US$ 150 mil, para as ações de corte de emissões de gases de efeito estufa.

 

A medida se concentra no fortalecimento dos fundos voltados para a mitigação das mudanças climáticas no Brasil, com foco na gestão orientada para resultados. Com a cooperação, o governo brasileiro aumentará a eficiência e a eficácia do financiamento de projetos e programas de redução dos impactos causados pelo agravamento do efeito estufa.

 

COMPARAÇÃO

 

A expectativa é que os resultados sejam alcançados por meio da avaliação de acordos financeiros, relatórios e sistemas de verificação atualmente usados pelo Brasil, incluindo o Fundo Clima, em comparação com as melhores práticas internacionais e de acordo com as exigências de Mensuração, Relato e Verificação (MRV) da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (UNFCCC, na sigla em inglês).

 

Também serão avaliadas as necessidades relacionadas ao financiamento das ações de mitigação. O resultado a ser atingido auxiliará na preparação de proposta para obtenção de financiamento de longo prazo, que contribuirá para fortalecer a base de conhecimento atual e para acessar ferramentas capazes de captar investimentos de baixa intensidade de emissão de gases de efeito estufa.

 

SAIBA MAIS

 

Apesar de ser considerado um fenômeno natural, o efeito estufa tem sido intensificado nas últimas décadas acarretando mudanças climáticas. Essas mudanças decorrem do aumento descontrolado das emissões de gases como o dióxido de carbono e o metano. A liberação dessas substâncias ocorre por conta de diversas atividades humanas, entre elas o transporte, o desmatamento, a agricultura, a pecuária e a geração/consumo de energia.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social (Ascom/MMA).




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.