10/06/2015 Richa lança "Parques do Paraná" para estimular o turismo sustentável

Richa lança "Parques do Paraná" para estimular o turismo sustentável

Foto: Orlando Kissner/ANPr.

O governador Beto Richa lançou nesta quarta-feira (10), como parte da comemoração da Semana Mundial do Meio Ambiente, o programa Parques do Paraná, que irá estimular o turismo nas unidades de conservação do estado, para ampliar a preservação e promover o desenvolvimento sustentável. O lançamento foi no Parque Estadual Pico Marumbi, na Serra do Mar. Na solenidade, realizada na Estação Marumbi, Richa também inaugurou as obras de restauro do conjunto arquitetônico e melhoria da infraestutura do Parque Marumbi.

“O Parques do Paraná visa um melhor cuidado e uma programação nas unidades de conservação do nosso estado para garantir o desenvolvimento socioeconômico sustentável, que gera empregos e renda à nossa população”, afirmou o governador Beto Richa. “Ao mesmo tempo, com visita controlada e ordenada, poderemos fortalecer nas pessoas sentimento de preservação do ambiente onde vivemos”, disse ele.

Richa enfatizou que o programa representa um grande avanço na preservação ambiental e no turismo. “O programa envolve as comunidades locais e irá gerar emprego, renda e o desenvolvimento econômico no entorno destes parques. É abrangente, pois com programas de educação ambiental propiciará às pessoas aproveiratrem esse novo momento das unidades de conservação”, disse ele.

O governador disse que o lançamento do Parques do Paraná faz parte de outras importantes iniciativas tomadas pelo governo estadual na Semana do Meio Ambiente. Com três decretos assinados na semana passada, Richa ampliou o número de municípios beneficiados com o ICMS Ecológico, regulamentou o Pagamento Por Serviços Ambientais (PSA) e criou o programa de revitalização do Rio Iguaçu.

COM A COMUNIDADE – Com o Parques do Paraná, o governo estadual irá melhorar a infraestrutura das unidades de conservação, articular com os municípios ações para melhor receber os turistas e estudar modelos de gestão para cada unidade. Um dos grandes focos é estabelecer com a comunidade do entorno vínculos de parceria para geração de renda e de cuidados com os parques.

“A iniciativa vai estimular a visitação em nossas áreas naturais do Paraná para criar um vínculo maior das pessoas com a natureza, estimular boas práticas e boas experiências de vivência junto à natureza e à educação ambiental”, disse o secretário estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Ricardo Soavinski.

“Do ponto de vista turístico, o programa irá gerar emprego, renda, oportunidades de novos negócios para a população do entorno. Os visitantes e as comunidades próximas passam a ser aliados dos parques, ampliando o comprometimento social e com a conservação”, explicou.

PRIMEIRA ETAPA - O projeto envolve várias áreas do Governo, especialmente o Instituto Ambiental do Paraná (IAP) e as secretarias do Turismo e Esporte, do Planejamento e da Administração. Das 68 Unidades de Conservação, 29 são abertas aos turistas. Em 2014 elas receberam cerca de 356 mil visitantes.

Para a primeira etapa do Parques do Paraná foram selecionados 14 unidades: Duas são da Serra do Mar: Pico Marumbi e Pico Paraná. Da Região Metropolitana de Curitiba são os parques Serra da Baitaca, em Piraquara e Quatro Barras, e Parque do Monge, na Lapa. Dos Campos Gerais: Vila Velha, em Ponta Grossa; Guartelá, em Tibagi, e Cerrado, em Jaguariaíva e Sengés. Do Litoral, as unidade selecionadas para esta primeira etapa são os parques Rio da Onça, em Matinhos, e Ilha do Mel. Do Norte, a Mata dos Godoy, em Londrina. No Vale da Ribeira (RMC) a unidade selecionada é Campinhos, em Cerro Azul e Tunas do Paraná. Da região Noroeste, os parques Amaporã, do município de Amaporã, e Lago Azul, de Campo Mourão. Do Oeste, o parque de São Camilo, em Palotina.

BEM PREPARADOS - O presidente do IAP, Luiz Tarcísio Mossato Pinto, explicou que o Parques do Paraná inclui-se nas propostas do governo Beto Richa de fazer melhorias nas Unidades de Conservação do estado. “Hoje temos a oportunidade de entregar a primeira obra do Parque Marumbi, assim como fizemos várias obras no Parque do Monge, na Lapa, e entregamos um parque em Pato Branco, com investimento de mais de R$ 5 milhões”, disse Tarcísio.

Além de parques bem preparados, o programa quer os municípios também preparados para receber os visitantes, com pousadas, restaurantes e toda a infraestrutura receptiva. "Temos em torno de R$ 30 milhões de compensação ambiental que serão aplicados nesse conjunto de parques e outras unidades de conservação do Estado. Vamos buscar também recursos privados, em linhas de financiamento, para realizar as melhorias necessárias das cidades”, explicou o secretário Soavinski.

Serão ações como capacitação de guias, condutores e do pessoal que trabalha com turismo, trilhas bem feitas, bem sinalizadas, segurança, centros de visitantes, programas de educação ambiental e serviços de alimentação.

EMPREENDEDORISMO - A Secretaria do Turismo ficará responsável pela articulação com os municípios e a população do entorno dos parques em ações de empreendedorismo voltadas ao atendimento dos visitantes, como hospedagem, gastronomia e outras atividades que possam gerar renda. “Além da questão do respeito ao meio ambiente, o programa possibilita uma parceria para o desenvolvimento econômico no entorno destes parques. Este é o nosso papel como fomentadores do turismo”, afirmou o secretário estadual do Turismo e Esporte, Douglas Fabrício.

PRESENÇAS – Participaram do lançamento da solenidade o presidente do Águas Paraná, Everton da Costa Souza; o diretor do Instituto de Terras, Cartografia e Geociências (ITCG), Amílcar Cabral; a gerente de licenciamento ambiental da Rumo ALL, Renata Ramalho; o presidente da Serra Verde Express, Adonai Aires de Arruda, além de representantes de ONGs ambientais.

Fonte: Instituto Ambiental do Paraná - IAP.




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.