11/09/2013

Armas e animais silvestres apreendidos no entorno do Parque do Itajaí

Armas apreendidas com advogado que se disse dono de cativeiro ilegal (PNSI)

Operação de fiscalização realizada pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), com o apoio do 10º Batalhão da Polícia Militar de Blumenau, apreendeu armamento, aves, apetrechos de caça e palmito, em Lageado Alto, município de Guabiruba, zona de amortecimento do Parque Nacional da Serra do Itajaí (SC).

 

No local, um advogado de 63 anos mantinha cativeiro irregular de aves silvestres e tinha a posse de nove armas de fogo longas (espingardas, rifle e carabina) e quatro curtas (revólveres e garrucha) e mais de 3.500 cartuchos de calibres diferentes (incluindo munição de uso restrito), além de grande quantidade de chumbo e pólvora.

 

O advogado alegou ser "praticante aposentado" de de tiro desportivo, mas não apresentou registro ou autorização para a posse do armamento, assim como não justificou os apetrechos de caça encontrados na propriedade.

 

No cativeiro ilegal, foram apreendidos sete exemplares de duas espécies diferentes: seis trinca-ferro (Saltator similis) e um pimentão (Saltator fuliginosus).

 

O palmito (Euterpe edulis) já estava processado na forma de "conserva", acondicionado em 88 vidros, não tendo sido apresentado à equipe a autorização do corte das árvores, que integram a lista oficial de espécies da flora ameaçada de extinção.

 

O advogado foi preso em flagrante e conduzido à Delegacia de Polícia Federal em Itajaí, onde permaneceu na carceragem à disposição do Juiz Federal de plantão.

 

Ele recebeu multa no valor de R$ 23.200, arbitrada pelos analistas ambientais do ICMBio. A penalidade pecuniária foi aplicada em dobro em razão de que o ilícito ocorreu na zona de amortecimento do parque, cujo entorno em uma faixa de 500 metros está sujeito a normas e restrições específicas, com o propósito de minimizar os impactos negativos sobre a unidade de conservação (UC).

 

Saiba mais
Parque Nacional da Serra do Itajaí foi criado em 2004 e protege quase 57 mil hectares de florestas, em sua maioria em avançado estágio de regeneração, preservando a maior área contínua de Mata Atlântica de Santa Catarina, envolvendo território de nove municípios na região do médio vale do Rio Itajaí.

Fonte: Comunicação ICMBio




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.