11/10/2016 Reunião define medidas para proteção e fiscalização no rio Gravataí

Reunião define medidas para proteção e fiscalização no rio Gravataí

Foto: divulgação.

Nesta terça-feira (11), a secretária do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Sema) e presidente da Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam), Ana Pellini, participou de reunião, no Ministério Público, para tratar sobre os problemas no rio Gravataí.

 

Na ocasião, foi apresentado o relatório de vistoria, realizada pela Fepam e Comando Ambiental no último final de semana, que identificou pontos de lançamentos irregulares de sedimentos, por produtores de arroz da bacia. Os sedimentos elevaram a turbidez do rio e prejudicaram a captação de água da Corsan.

 

Ficou estabelecida na reunião, a suspensão imediata da descarga das lavouras no rio Gravataí. Os responsáveis serão notificados oficialmente, na quinta-feira (13), e receberão orientações sobre procedimentos adequados, como a recirculação da água na própria lavoura, visando à eliminação do problema.

 

O grupo ainda discutiu estratégia para garantir o abastecimento de água da população, considerando o início da estiagem e a chegada do Fenômeno La Niña, que diminuem a vazão do rio. Dentre as medidas, entrarão em funcionamento duas estações automáticas de medição do nível do rio, permitindo o controle da quantidade de água disponível, em tempo real.

 

Além da Sema e Fepam, estiveram presentes no encontro representantes do Ministério Público, Comando Ambiental da Brigada Militar, Instituto Riograndense do Arroz ¿ Irga e representação da Área de Proteção Ambiental do Banhado Grande.

Fonte: FEPAM / SEMA.




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.