13/01/2016 Brasil receberá R$1,5 milhão para projetos de proteção do meio ambiente

Brasil receberá R$1,5 milhão para projetos de proteção do meio ambiente

Entre os projetos selecionados destaca-se o trabalho que será desenvolvido para a conservação das tartarugas marinhas (Caretta caretta) na região da Foz do Rio Doce. Foto: José Sabino.

Foram selecionadas 20 iniciativas em doze estados brasileiros por meio de dois editais públicos de apoio a projetos; Uma das pesquisas será na Foz do Rio Doce (ES).

A Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza divulgou a lista das novas iniciativas de conservação da natureza que serão apoiadas a partir do primeiro semestre de 2016. No total, serão doados cerca de R$ 1,5 milhão em 20 novas iniciativas, no ecossistema costeiro-marinho e na Mata Atlântica. [veja lista aqui]. As pesquisas foram selecionadas por meio de dois editais, um nacional e outro com foco no Paraná.

 

 

No edital nacional, os estados beneficiados foram São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Bahia, Paraíba, Amapá, Pará, Maranhão, Pernambuco, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Esses estados abrigam importantes áreas do ecossistema costeiro-marinho, área natural escolhida como foco para o segundo edital nacional da Fundação Grupo Boticário de 2015.

 

 

Já o Edital Biodiversidade do Paraná, seleciona apenas pesquisas e projetos a serem realizados por instituições desse estado, com foco especial para a Floresta com Araucárias – ecossistema reduzido a 1% da sua cobertura original - e para a Floresta Densa do Lagamar (litoral e Serra do mar). Nesta chamada, sete iniciativas foram aprovadas com um valor total de R$600 mil. Esse edital, que é anual, é realizado em parceria com a Fundação Araucária, instituição sem fins lucrativos que atua no fomento à pesquisa no Paraná.

 

 

Entre os projetos selecionados destaca-se o trabalho que será desenvolvido para a conservação das tartarugas marinhas na região da Foz do Rio Doce (ES). Realizada pelo Tamar, essa iniciativa ganha ainda mais relevância após o desastre da queda da com as barragens com de rejeitos de mineração, ocorrido em novembro do ano passado em Mariana (MG) e que chegou ao mar na altura do Espírito Santo.  “Os estudos dessa pesquisa podem vir a trazer informações valiosas para entender melhor o impacto que esse incidente causou na biodiversidade local”, afirma Malu Nunes, diretora executiva da Fundação Grupo Boticário.

 

 

Em 25 anos de atuação, a Fundação Grupo Boticário já se firmou como uma das maiores apoiadoras, ligadas à iniciativa privada, de iniciativas de conservação da natureza brasileira. Ao todo, 1457 iniciativas já foram apoiadas em todos os estados brasileiros. Para conferir a lista completa das 20 novas iniciativas selecionadas nos dois editais, bem como os respectivos técnicos e instituições responsáveis por cada uma delas, acesse o site www.fundacaogrupoboticario.org.br, e na home clique na seção ‘O que fazemos’>’Editais’.

 

 

Inscrições para novos projetos começam no final do mês

As inscrições para a primeira chamada anual de 2016 do Edital de Apoio a Projetos estarão abertas a partir de 31 de janeiro e podem ser realizadas até 31 de março, no site www.fundacaogrupoboticario.org.br, na seção ‘Editais’ da home.  Serão selecionadas iniciativas em todas as regiões brasileiras. As inscrições para o Edital Biodiversidade Paraná serão abertas no segundo semestre. Em caso de dúvidas, os interessados podem contatar a equipe de Ciência e Informação da Fundação Grupo Boticário, pelo endereço picn@fundacaogrupoboticario.org.br.

 

Fonte: Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza.

 




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.