14/07/2014

Presidente Castello Branco: fomentando práticas sustentáveis e reciclando vidas

Programa Castellense de Coleta Seletiva de Lixo conquistou a 21º edição do Prêmio Expressão de Ecologia. Foto: divulgação.

Preservar a natureza, destinar os resíduos sólidos corretamente e reaproveitar os materiais, gerando renda e novas oportunidades, são algumas conquistas do município catarinense de Presidente Castello Branco há mais de uma década. O trabalho intersetorial é realizado com a participação e conscientização de todos e fomenta o Plano Intersetorial de Desenvolvimento Sustentável, programas, projetos e ações objetivando práticas de sustentabilidade.

No ano de 2004 foi feita a construção do Aterro Sanitário, com a participação da prefeitura, da população castellense e do Conselho Municipal do Meio Ambiente. O processo de Gestão dos Resíduos Sólidos foi desenvolvido em três etapas: sensibilização, planejamento e implantação do Programa Castellense de Coleta Seletiva de Lixo e demais projetos e programas. Um deles é o “O Natal de Bem com a Natureza”, que realiza oficinas com a população para confecção de decoração natalina utilizando materiais recicláveis. Outra iniciativa, chamada “Com a Arte de Reutilizar”, reaproveita  roupas inservíveis por meio de oficinas com mães, grupos terapêuticos e do CRAS.

Avós, pais, professores e alunos do município desenvolvem ações com o cultivo de horta permacultural, canteiros de ervas medicinais, pomar e lavoura. Confeccionam jogos e brinquedos, além de reutilizar o óleo de cozinha na produção de materiais de limpeza e higiene. Projetos que reutilizam materiais alternativos objetivando a prática dos 5R. Os biocompostores implantados em escolas, residências, aterro sanitário e órgãos públicos destinam o material orgânico, utilizado na produção de mudas de flores, frutas e ervas medicinais distribuídas à comunidade.

Os resultados colocam o município à frente de outros de maior porte no que se refere à gestão dos resíduos, atendendo com a coleta 100% da população castellense, inclusive do meio rural. Aproximadamente 20% da coleta é destinada à compostagem, sendo que 22% do orçamento alcançado com a venda do adubo é utilizado na aquisição de materiais escolares, uniformes e climatizadores. O restante da coleta é destinado de forma ambientalmente correta.

A mudança de hábitos e os cuidados com o meio ambiente favorecem a diminuição do lixo, a utilização da água das cisternas e o tratamento de esgoto ecológico que acontecem no setor público e nas escolas, sendo as crianças multiplicadoras dessas boas práticas que são vivenciadas e incorporadas pelas comunidades. 

Fonte: Prefeitura de Presidente Castello Branco.




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.