16/07/2018 Visita técnica é realizada na RPPN Serra do Lucindo

Visita técnica é realizada na RPPN Serra do Lucindo

Imagem aérea da RPPN Serra do Lucindo. Foto: Arquivo Apremavi.

No último dia 12 de julho uma equipe formada por técnicos da Polícia Militar Ambiental de Santa Catarina/Canoinhas, do Instituto Federal de Santa Catarina/Canoinhas, da NPFT/UFSC e do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (Flona Três Barras), visitou a Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) Serra do Lucindo, localizada no município de Bela Vista do Toldo.

 

Com o objetivo de conhecer a área, colher informações de campo e visando o apoio na sua gestão, a equipe técnica percorreu cerca de 5 km a pé no interior da RPPN, onde foi realizado um levantamento fotográfico. Além disso foi utilizado um drone da Polícia Militar Ambiental para tomada de imagens aéreas para avaliação da sua cobertura florestal.

 

Os técnicos presentes consideraram a área muito bonita e de grande relevância para a conservação ambiental, inclusive com ótimo potencial para a realização de pesquisas, visitação e atividades de educação ambiental.

 

A RPPN Serra do Lucindo

 

A RPPN Serra do Lucindo, criada em agosto de 2010, está localizada no município de Bela Vista do Toldo, no Planalto Norte de Santa Catarina. Fica a 24 km de distância da sede do município e tem 316,05 hectares. Seu Plano de Manejo foi aprovado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, através da Portaria nº 80, de 05 de julho de 2012.

 

A RPPN é constituída por florestas primárias pouco exploradas, e secundárias em diferentes estágios de regeneração e apresenta espécies ameaçadas de extinção como o pinheiro-brasileiro (Araucaria angustifolia), a imbuia (Ocotea porosa), a canela-sassafrás (Ocotea odorifera), o xaxim-bugio (Dicksonia sellowiana) e diversas espécies raras e endêmicas da floresta ombrófila mista.

 

A RPPN Serra do Lucindo conta com uma avifauna muito rica e muito específica, característica de áreas não perturbadas. O papagaio-do-peito-roxo (Amazona vinacea) e a araponga (Procnias nudicollis) são algumas das espécies identificadas, assim como 02 novos registros para o estado de Santa Catarina: o peixe-frito-verdadeiro (Dromococcyx phasianellus) e a coruja-do-mato (Strix virgata).

 

Além de conservar um significativo remanescente da Mata Atlântica, a RPPN guarda recursos hídricos fundamentais para a região e preserva um importante marco histórico, a Trilha do Monge ou Trilha das Onze Voltas, local por onde teria passado o Monge João Maria. A trilha ainda é usada para peregrinações religiosas.

 

A RPPN conta com uma sede, que serve como centro de referência e abrigo para pesquisadores e visitantes.

Fonte: Apremavi.




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.