16/08/2013

Congresso Moveleiro chega à 4ª. edição com ações sustentável e social

Os organizadores vão reaproveitar meia tonelada de materiais que seriam descartados para a confecção de brindes

O conselho Moveleiro da Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) está preparando uma grande ação de sustentabilidade e responsabilidade social para o próximo congresso do setor, marcado para o final de setembro. Todos os participantes receberão como brinde uma mochila feita a partir de restos de revestimentos. As bolsas estão sendo produzidas pela Associação de Mães da Vila Torres.

 

A ideia de reaproveitar os descartes da própria indústria surgiu no ano passado, quando o tema do congresso moveleiro foi “Fazer mais com menos”. Com as 700 bolsas produzidas, os fabricantes de móveis conseguiram evitar o descarte de cerca de meia tonelada de tecidos. Neste ano, os organizadores querem confeccionar mil mochilas para serem distribuídas entre os participantes do congresso.

 

O modelo foi desenhado por uma aluna do curso de Design de Moda do Senai e foi escolhido entre outros 5 finalistas, por meio de votação. “O curso de Design de Moda do Senai recebeu a proposta de desenvolvimento da bolsa. Para incentivar,  tive a ideia de promover um concurso entre os estudantes. Cerca de 80 alunos do curso de graduação puderam participar”, conta Edson Korner, coordenador do curso superior de Design de Moda.

 

Cada participante teve duas semanas para desenvolver seu projeto. Foram avaliados critérios como criatividade e forma de uso. A vencedora foi eleita pela equipe da organização do congresso e por um voto popular.

 

Agora, a campeã Isabelle Cristine Pariz tem a missão de montar as composições de tecidos de cada bolsa e de acompanhar a confecção das mochilas, que serão feitas pelas costureiras da Associação de Mães da Vila Torres. “Para mim, este prêmio agregou muito conhecimento. Poder trabalhar com máquinas de costura industriais, com outros tipos de matéria-prima e aprender métodos de montagem de mochilas foi muito estimulante. Estou ansiosa por poder ter meu primeiro contato com as costureiras da Vila Torres, que têm um trabalho belíssimo! Será muito gratificante ver – pela primeira vez – algo que criei sendo produzido em grande escala” comemorou a vencedora.

 

Os retalhos de tecidos deverão vir, principalmente, das indústrias moveleiras de Curitiba e região metropolitana. A produção deverá ficar pronta até a metade de setembro. “Esta é uma ação que deu muito certo. Os participantes do congresso ficam muito satisfeitos em saber que estão recebendo um produto sustentável, feito por uma associação de bairro”, avalia Constantino Bezeruska, consultor do Conselho Setorial da Indústria Moveleira e um dos organizadores do congresso.

 

O 4º. Congresso Moveleiro será nos dias 25 e 26 de setembro, em Curitiba, com o tema “A competitividade é o futuro da indústria moveleira”. As inscrições custam um quilo de alimento não perecível. Toda a arrecadação será entregue a uma entidade assistencial.

Fonte: Agência de Notícias - Sistema FIEP




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.