16/10/2013

Países devem adotar novas políticas econômicas para se adaptarem à crise mundial, diz ONU

Chefe da agência de macroeconomia e desenvolvimento da UNCTAD, Alfredo Calcagno, apresenta o relatório em Nova York. Foto: ONU

De acordo com o Relatório de Comércio e Desenvolvimento 2013 os países devem adotar novas políticas econômicas para se adaptarem às mudanças estruturais na economia mundial provocadas pela eclosão da crise financeira global há cinco anos.

 

O relatório - produzido pela Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD) - afirma que os países desenvolvidos têm, até agora, abordado a crise através da implementação de medidas de estímulo que dependem de políticas monetárias expansionistas, mas não obtiveram sucesso na promoção do crescimento por causa da sua combinação com austeridade fiscal e demandas particulares subjugadas.

 

Já os países em desenvolvimento têm mitigado o impacto negativo da crise no mundo desenvolvido através da implementação de políticas anticíclicas, que estimulam a economia quando se está enfrentando uma recessão. No entanto, os efeitos dessas políticas estão desaparecendo e o ambiente econômico mostra poucos sinais de melhoria, tornando cada vez mais difícil evitar a desaceleração econômica.

 

Para a economia mundial como um todo, o relatório ressalta que políticas coordenadas, orientadas pela demanda, onde nenhum país adote políticas de austeridade, teriam melhores resultados em termos de crescimento, distribuição de renda, emprego e reequilíbrio mundial do que as políticas atuais que colocam toda a carga do ajuste da crise nos países deficitários.

 

O chefe da agência de macroeconomia e desenvolvimento da UNCTAD, Alfredo Calcagno, observou que os países desenvolvidos não estão abordando as causas iniciais da crise financeira, e isso, combinado com a má gestão da crise em si, tem contribuído para a desordem atual da economia global.

Fonte: ONU BR - Nações Unidas




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.