19/03/2018 ENGIE protege quase 2 mil nascentes em diferentes regiões do Brasil

ENGIE protege quase 2 mil nascentes em diferentes regiões do Brasil

 

O Dia Mundial da Água tem significado especial para a ENGIE. Maior geradora privada de energia no Brasil, a empresa é responsável por uma área de 1.016 km2 de reservatórios nas 11 usinas hidrelétricas que opera em território nacional. Em 2017, a compensação financeira pela utilização desses recursos hídricos resultou no pagamento de R$ 124,4 milhões em royalties à União, a nove estados e a 63 municípios. “Além de gerar recursos financeiros, fomentamos os usos múltiplos desses reservatórios de forma sustentável, balanceando a conservação da biodiversidade e o interesse turístico e de lazer nas regiões onde estão inseridos”, comenta o diretor-presidente da ENGIE Brasil Energia, Eduardo Sattamini.

 

Um dos destaques da política de sustentabilidade da Companhia é seu programa de preservação de nascentes, que envolve mais de 1,5 mil famílias na proteção de 1,8 mil mananciais de Norte a Sul do País. Para nós, a água é um bem a ser cuidado, é um ativo, pois é nossa matéria-prima para a geração de fonte hidrelétrica”, lembra Sattamini.

 

Entre os benefícios dessa iniciativa socioambiental estão a melhoria na qualidade da água consumida em comunidades da Bahia, Ceará, Goiás, Rio Grande do Norte, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Tocantins, com a consequente redução na incidência de doenças em crianças e adolescentes. O programa de Proteção de Nascentes foi um dos premiados na edição 2017 do Prêmio ANA, da Agência Nacional de Águas.

 

A ENGIE também participa de comitês de bacias hidrográficas, produz e distribui mudas em hortos florestais e reproduz alevinos de espécies nativas para o repovoamento de peixes nos rios. Em novembro, o projeto Conservação de espécies endêmicas de ictiofauna no rio Iguaçu, realizado em parceria com a Universidade do Oeste do Paraná (Unioeste), foi premiado pela Câmara Americana de Comércio do Rio de Janeiro (AmCham Rio).

 

Outra iniciativa ambiental reconhecida pela mesma instituição foi o projeto Biomarcadores de toxidade do mercúrio aplicados ao setor hidrelétrico na Amazônia, desenvolvido pelo consórcio Energia Sustentável Brasil (UHE Jirau), no qual a ENGIE tem 40% de participação. A equipe responsável criou uma ferramenta de vigilância ambiental para monitorar os impactos do garimpo na qualidade da água na área de influência dos reservatórios.

 

Desde 2005 a ENGIE Brasil Energia faz parte do Índice de Sustentabilidade Empresarial, ferramenta criada pela B3 para análise comparativa anual do desempenho das empresas listadas na Bolsa de Valores sob o aspecto da sustentabilidade corporativa. Em janeiro, foi incluída no ranking Global 100 da Corporate Knights, publicação especializada em negócios, como uma das cem empresas globais mais sustentáveis do mundo, ocupando a 52ª posição entre quase 6 mil companhias de capital aberto.

 

Sobre a ENGIE

 

A ENGIE está comprometida com um crescimento sustentável a fim de enfrentar os grandes desafios da transição energética na direção de um mundo mais descarbonizado, descentralizado e digitalizado. O Grupo tem por objetivo tornar-se o líder desse novo mundo da energia ao focar em três atividades-chave para o futuro: baixa produção de carbono, especialmente a partir do gás natural e energias renováveis, infraestruturas energéticas e soluções eficientes adaptadas para as necessidades de todos os seus clientes (pessoas, empresas e regiões). A satisfação dos clientes, a inovação e as soluções digitais são os princípios orientadores do desenvolvimento da ENGIE.

 

Presente em cerca de 70 países, a ENGIE conta com 150.000 colaboradores em todo o mundo e obteve receitas de € 65 bilhões em 2017. Cotado nas bolsas de Paris e Bruxelas (ENGI), o Grupo está representado nos principais índices financeiros (CAC 40, BEL 20, DJ Euro Stoxx 50, Euronext 100, FTSE Eurotop 100, MSCI Europe) e não financeiros (DJSI World, DJSI Europe e Euronext Vigeo Eiris - World120, Eurozone 120, Europe 120, France 20, CAC 40 Governance).

 

Sobre a ENGIE Brasil 

 

No Brasil, a ENGIE é a maior produtora privada de energia elétrica no País, operando uma capacidade instalada de 9.178,8 MW em 31 usinas em todo o Brasil, o que representa cerca de 6% da capacidade do País. O Grupo possui 90%de sua capacidade instalada no Brasil proveniente de fontes limpas, renováveis e com baixas emissões de gases de efeito estufa, posição que tem sido reforçada pela construção de novas eólicas no Nordeste e por uma das maiores hidrelétricas do País, Jirau (3.750 MW), localizada no rio Madeira, da qual a ENGIE detém participação de 40%.

 

O Grupo também atua na área geração solar distribuída e oferece serviços relacionados à energia, engenharia e integração de sistemas, atuando no desenvolvimento de sistemas de telecomunicação e segurança, iluminação pública e mobilidade urbana para cidades inteligentes, infraestruturas e a indústria de óleo e gás. Contando com 2.100 colaboradores, a ENGIE teve no Brasil em 2017 um faturamento de R$ 7 bilhões.

Fonte: ENGIE Brasil.




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.