23/01/2015 Trilha do Rio Vermelho, em Florianópolis, é modelo único no Brasil

Trilha do Rio Vermelho, em Florianópolis, é modelo único no Brasil

Imagine andar por entre a selva na companhia de macacos, jabutis ou uma colorida arara. No entorno, o silêncio e ar puro da natureza, produzidos pela vegetação das mais variadas espécies. E o melhor de tudo: a segurança e conforto da cidade graças a um percurso de decks acessíveis para cadeirantes, com banheiros, bebedouro e até mirante. Esta é a Trilha Ecológica do Rio Vermelho, em Florianópolis. Localizada entre a famosa e formosa Lagoa da Conceição e o Norte da Ilha, a Trilha faz parte do Parque Estadual do Rio Vermelho, Unidade de Conservação gerenciada pela Fundação do Meio Ambiente de Santa Catarina – Fatma. A visitação é gratuita e conta com estacionamento.

 


Foto: divulgação.

 

A trilha possui um quilômetro de percurso: um passeio entre 16 viveiros que abrigam 150 animais silvestres de mais de 35 espécies da fauna catarinense. Mas, atenção: não é zoológico. Isso porque o espaço é habitado por animais resgatados pela Fatma e Polícia Militar Ambiental. Muitas vezes feridos ou frutos de contrabando, animais que são tratados, mas não têm condições de voltar à natureza recebem o carinho e atenção na Trilha do Rio Vermelho. Isso faz com que o projeto seja único no Brasil.

 

O modelo único é mais do que uma ferramenta de lazer, proporcionando um trabalho de conscientização ambiental por meio de visitas guiadas. Quem acompanha os visitantes são os voluntários da R3 animal, uma ONG de proteção animal. No caminho, crianças a adultos ouvem atentos à história de cada animal e o motivo pelo qual foi parar ali. “Não é uma trilha de animais perfeitos. Lá, as pessoas vão ver aves com asas quebradas ou macacos sem rabo. Assim, aprendem o mal que o ser humano pode causar contra indefesos animais”, explica o Diretor de Proteção Ambiental da Fatma, Márcio Luiz Alves. Apesar das condições nem tão perfeitas dos animais, a trilha está longe de ser um lugar triste. Com uma grande estrutura de viveiros e cuidados diários de veterinários, os animais vivem em perfeita harmonia com os visitantes. “Toda a estrutura da Fatma está disponível para o melhor tratamento e recuperação”, explica o presidente da Fundação, Alexandre Waltrick.

 

A Trilha do Rio Vermelho é aberta ao público de terça a domingo, das 10h às 17h. Durante a semana, é mais comum a visita de escolas, já previamente agendadas. Nos finais de semana, mais de mil pessoas visitam o espaço. Saiba mais como visitar a trilha aqui.

 


Foto: divulgação.

Fonte: Fatma.




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.