26/02/2015 Linhas de Nazca: Peru dá sinal verde para extraditar membro do Greenpeace

Linhas de Nazca: Peru dá sinal verde para extraditar membro do Greenpeace

Foto: Greenpeace/EFE.

Ativistas do Greenpeace deixaram mensagem sobre futuro renovável nas linhas de Nazca.

 

O poder judiciário peruano declarou procedente, no dia 26/02 (quinta-feira), o pedido de extradição do argentino Mauro Nicolás Fernández, ativista da ONG Greenpeace, como autor do atentado contra os geoglifos milenares de Nasca, em 8 de dezembro de 2014, informou a instituição.

 

"Declara-se procedente a solicitação de extradição ativa, formulada pelo Primeiro Juizado Preparatório de Nazca, da Corte Superior de Justiça de Ica, dirigida às autoridades judiciais da Argentina, em relação ao cidadão argentino Mauro Nicolás Fernández, no processo ao qual responde como autor do delito contra o patrimônio cultural, na modalidade de atentado contra monumentos arqueológicos", segundo o documento da Suprema Corte de Justiça.

O pedido de extradição de Fernández, que está na Argentina, será enviado ao ministério da Justiça com o conhecimento da procuradoria da Nação, para que a solicitação seja encaminhada às autoridades judiciais argentinas.

Até o momento só havia uma ordem judicial de prisão preventiva contra o ativista argentino do Greenpeace.

Em declarações a uma emissora de TV de Lima, em janeiro, Fernández responsabilizou o arqueólogo austríaco e ativista do Greenpeace na Alemanha, Wolfgang Sadik, de ser o responsável pelas ações em Nazca.

O caso se relaciona com um dos maiores atentados contra o patrimônio cultural peruano: a entrada ilegal de 12 ativistas da ONG ambientalista em uma área de 40 metros quadrados, onde está o geoglifo do beija-flor, na qual foram colocados 45 pedaços de tecido amarelos, formando a mensagem: "Time for Change! The future is renewable, Greenpeace" (Tempo de mudança! O futuro é renovável).

Os fatos ocorreram durante a Conferência da ONU sobre o clima, celebrada em Lima, em dezembro passado.

As linhas de Nazca são geoglifos com mais de 2.000 anos de antiguidade, com figuras geométricas e de animais, que só podem ser contempladas do alto. Seu significado real é um enigma. Alguns cientistas as consideram um observatório astronômico, outros, um calendário.

Fonte: AFP em Lima.




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.