26/02/2016 Paraná cria unidade para gestão de projetos de Pagamentos Por Serviços Ambientais

Paraná cria unidade para gestão de projetos de Pagamentos Por Serviços Ambientais

Paraná cria unidade para gestão de projetos de Pagamentos Por Serviços Ambientais. Foto: SEMA.

O Governo do Paraná criou nesta sexta-feira (26) uma Unidade de Gestão Estratégica para acompanhar os projetos de Pagamentos Por Serviços Ambientais (PSA) no Estado. A UGE é composta pelas coordenações técnicas da Secretaria Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos e de suas instituições vinculadas: Instituto Ambiental do Paraná, Instituto de Terras, Cartografia e Geociências e Instituto Águas do Paraná.

“É mais um passo importante que precisava ser dado para chegarmos até o objetivo final, que é ajudar financeiramente cidadãos que praticam em suas propriedades a conservação e o cuidado com a natureza”, disse o secretário estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Ricardo Soavinski, que assinou a Resolução Sema nº 02/2016, instituindo a UGE.

A Unidade de gestão terá a função de coordenar os projetos e as estratégias de PSA, como por exemplo, definir os locais prioritários para PSA, os cálculos e valores de pagamentos, as articulações para captação de recursos. “É um papel mais abrangente, mas que será articulado com os municípios, organizações não governamentais e demais instituições importantes para que na ponta os projetos aconteçam”, destacou a coordenadora da UGE do PSA, Sueli Ota.


Primeiros pagamentos: Os primeiros editais para selecionar projetos de proprietários de áreas com iniciativas de conservação, tanto na área de recursos hídricos como de Reservas Particulares do Patrimônio Natural, serão lançados neste primeiro semestre. Para RPPN o recurso é de R$ 3,7 milhões, e virá do Instituto Ambiental do Paraná (IAP).

No próximo mês de março, a Sema lança os editais de pagamento para os proprietários do entorno da Repressa de Piraquara I, em Piraquara. No mesmo mês sairá o edital para contratar os diagnósticos socioambientais das propriedades do entorno das bacias hidrográficas de Piraquara, em Piraquara; Miringuava, em São José dos Pinhais e São Cristovão, em Castro.

“O Governo do Paraná está dando as ferramentas necessárias para que as coisas aconteçam, e o nosso município vem fazendo sua parte para girar essa política pública e atender aos cidadãos”, disse o secretário municipal do Meio Ambiente de Piraquara, Leverci Silveira Filho.

Fonte: Instituto Ambiental do Paraná (IAP).




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.