27/09/2013

Após enchente, líderes e comunidades trabalham na reconstrução do Alto Vale do Itajaí

Bombeiros atuando no município de Taió.
Foto:
 CBMSC/Divulgação

Em Rio do Sul, os prejuízos da enchente em 145 empresas ultrapassam R$ 7 milhões. Mil cadastros já foram preenchidos, o que é 25% das empresas instaladas. Os dados foram coletados e são compostos por perdas de faturamento decorrente dos dias fechados e de danos em alguns equipamentos.  As empresas tiveram, até esta sexta-feira, 27/09, para informar suas perdas e contribuir com o levantamento de prejuízos.

 

Os dados são encaminhados aos órgãos públicos para diversas solicitações: prorrogação de prazos de carência em contratos do Programa BNDES/PER e ampliação de linhas de crédito; prorrogação de prazos para a efetivação de protestos e títulos na Comarca de Rio do Sul; liberação de recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS); e prorrogação do prazo para recolhimento de impostos.

 

O secretário Milton Hobus, da Defesa Civil, reuniu-se na noite de quinta, 26/09, na sede da Amavi, em Rio do Sul, com o secretário regional de Rio do Sul, Ítalo Goral, e os prefeitos do Alto Vale do Itajaí, cujos municípios foram os mais atingidos, para deliberar sobre os prazos de entrada de petições nos órgãos governamentais estaduais e federais.  Também neste sentido, o secretário executivo da Articulação Nacional, João Matos, esteve na cidade para reunir-se com lideranças regionais e juntar documentos com petições de modo a acelerar o processo para obtenção de recursos junto ao ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, e à ministra chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann. Técnicos do Ministério da Integração vistoriaram obras em Rio do Sul para executar um Plano de Reconstrução.

 

As águas devem baixar significativamente nas próximas horas em toda a região. Em Rio do Oeste, município em que as águas baixam por último, foram cadastradas 377 famílias e 1.140 pessoas afetadas pela enchente, que aos poucos estão voltando para suas casas. O sistema de Saúde não foi afetado e funciona normalmente. O mesmo ocorre com o fornecimento de água e luz, exceto em localidades ainda sem acesso, como Toca Grande.

 

No setor da Educação, a Escola Professor Henrique Fontes, no Canta Galo, voltou a funcionar nesta sexta-feira, com a presença de 60% de alunos e 80% de professores, sendo faltantes aqueles que ainda lidam com a limpeza e a volta para suas casas. O gerente regional de Educação, professor Osni Packer, certifica que a partir de segunda-feira,30, as aulas serão normais em todas as unidades  da rede estadual de ensino da SDR de Rio do Sul. Packer aproveita para agradecer ao empenho de professores, funcionários, alunos, pais de alunos e empresários que ajudaram na remoção de móveis, equipamentos e materiais das escolas, bem como na limpeza e na volta à normalidade escolar.

 

Os bombeiros ajudam na limpeza de ruas e de prédios públicos nas cidades. Para tanto, além dos 88 bombeiros e equipamentos de Rio do Sul, trabalham incessantemente os bombeiros das corporações de Lages, São José, Joaçaba e Pinhalzinho.

 

O gerente de Turismo, Cultura e Esporte da SDR de Rio do Sul, Euclides Fiamoncini, anuncia que o Campeonato Taça SDR de Rio do Sul de Futebol Amador - promovido pela Liga Riossulense de Futebol, volta a ser jogado normalmente no próximo dia 6 de outubro, com andamento da 9ª rodada, a penúltima do primeiro turno.

 

Os níveis d'água na região, com medidas até a tarde desta sexta-feira, 27, foram os seguintes: Rio Itajaí-Açú em Rio do Sul, com 6,85m; rio  Itajaí do Sul, em Ituporanga, marcava 2,06m; e o rio Itajaí do Oeste, em Rio do Oeste, apontava 7,46 acima do nível normal. A barragem Sul, em Ituporanga, estava 25,65 metros e todas as cinco comportas abertas. Em Taió, a barragem Oeste estava com 18,60 m e todas as suas sete comportas abertas. A previsão meteorológica prevê chuvas esparsas na região para este final de semana, com precipitações de 14 a 24 milímetros na região do Alto Vale do Itajaí.

Fonte: Homero Buzzi - SDR / Governo de Santa Catarina




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.