27/11/2015 BRDE lança Programa de Produção e Consumo Sustentáveis

BRDE lança Programa de Produção e Consumo Sustentáveis

Solenidade no Palácio Piratini. Foto: divulgação.

Em ato no Piratini, são firmados contratos de financiamento com empresas da área de energias limpas e renováveis, um dos cinco eixos do novo programa.

 

A diretora do Departamento de Produção e Consumo Sustentáveis do MMA, Raquel Breda, participou, dia 25/11, no Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul – BRDE, do lançamento das linhas gerais de um novo programa voltado a empreendimentos com características socioambientais, o BRDE PCS – Produção e Consumo Sustentáveis. No ato de lançamento, no Palácio Piratini, que contou com a presença do governador do Estado do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori, o banco firmou contratos e protocolos de crédito com empresas responsáveis por empreendimentos em energias renováveis – eólica, aproveitamento de biomassa e PCHs, no valor de R$ 455 milhões. O montante total a ser investido pelos empreendedores nesses projetos apoiados pelo BRDE no Rio Grande do Sul é da ordem de R$ 2,240 bilhões.

O BRDE PCS foi criado para incentivar a adoção de conceitos e práticas de desenvolvimento sustentável – econômico, ambiental e social. As linhas de crédito com ênfase na produção e no consumo sustentáveis oferecem condições especiais às empresas, tais como prazos maiores de financiamento e redução de tarifas de cadastro, análise e fiscalização.

 

 “Trata-se do lançamento de um importante programa que visa contribuir com a incorporação da sustentabilidade em atividades produtivas na região sul do País” disse Raquel Breda. “O BRDE PCS foi inspirado no Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentáveis (PPCS), desenvolvido no âmbito do MMA, cujo segundo ciclo de quatro anos terá início em 2016, e configura-se como a primeira e emblemática ação que comporá as atividades da agenda de finanças sustentáveis que tem como objetivo promover, junto as instituições financeiras nacional, a integração de critérios sociais, ambientais, além dos econômicos, em suas atividades, produtos e serviços.  

O novo programa, que beneficiará projetos nas áreas do agronegócio, indústria, comércio e serviços, estrutura-se em cinco subprogramas integrados: Energias Limpas e Renováveis; Uso Racional e Eficiente da Água; Gestão de Resíduos e Reciclagem Agronegócio Sustentável e Cidades Sustentáveis

Fonte: Assessoria de Comunicação Social (Ascom/MMA).




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.