28/02/2014

Campanha Farra do Boi 2014

Promotora de Justiça de Garopaba, Coordenadora do CME, Comandante da PM e Halem Guerra do Instituto Ambiental Ecosul. Foto: divulgação.

 

No dia 26/02/2014 foi reealizada no comando da Policia Militar de SC reunião com o objetivo de definir as estratégias para a campanha de prevenção e conscientização sobre a prática da farra do boi em 2014.

 

Sob a condução do Comandante Geral da PM Cel. Nazareno Marcineiro e a presença de representantes das Polícias Civil, Militar, Ambiental e Rodoviária Federal, CIDASC, MPSC, SDR-Secretaria de Desenvolvimento Regional da Grande Florianópolis, Instituto Ambiental Ecosul, algumas Prefeituras e outros órgãos, a reunião definiu as ações e as responsabilidades de cada segmento na campanha 2014 de contenção da farra do boi que ainda ocorre em algumas localidades do litoral catarinense.

 

O Ecosul manteve sua disposição em continuar contribuindo com o programa de formação de valores e disponibilizou seus recursos de áudio, vídeo e impressos para a campanha.

 

O Diretor de Bem-estar Animal de Florianópolis Eduardo Cavalazzi ratificou o apoio do órgão e disponibilizou um reboque de animais de tração em caso de necessidade, mas lembrou que o veículo de transporte dos animais precisa ser tipo "caminhão boiadeiro" acompanhado de laçador, pois em uma ocorrência que atendeu anteriormente, foi enviado um caminhão de mudanças para retirar o animal farreado do meio do tumulto.

 

A Promotora de Justiça Caroline Cabral, Coordenadora em exercício do CME-Centro de Apoio Operacional do Meio Ambiente do MPSC ressaltou que a farra do boi não está mais restrita ao período da Quaresma e recomendou que as ações fossem mantidas durante o ano inteiro, principalmente aquelas voltadas para a conscientização e mudança de cultura das comunidades. O Comandante do 4º BPM Ten.Cel. Carlos Alberto Araujo Gomes também ressaltou a importância da continuidade das ações durante o ano e não havendo manifestações contrárias, o Protocolo foi firmado com prazo de vigência de 12 meses.

 

A Promotora Caroline também informou que em apoio e valorização às tradições culturais de SC, o MPSC através do FRBL-Fundo para Reconstituição dos Bens Lesados de SC patrocinou o projeto "Festival do Folclore" em Governador Celso Ramos na Semana Santa de 2012, no valor aproximado de R$ 100 mil reais.

 

Representantes de outros segmentos também se manifestaram e contribuíram para a atualização e formatação do Protocolo de Cooperação e Parceria que ao final da reunião foi firmado por todos e prevê entre outras ações:

 

- Investigação e indiciamento dos praticantes, promotores e fornecedores de animais.

 

- Palestras nas escolas dos municípios onde a prática ainda ocorre.

 

- Formatação e publicação de material informativo.

 

- Recolhimento dos animais por laçadores em caminhões boiadeiros.

 

- Barreiras pela PM e PRF em pontos estratégicos.

 

- Fiscalização das GTAs. dos animais em trânsito.

 

- Entre outras medidas complementares.

 

Jingle "Farra do Boi"
O Instituto Ambiental Ecosul apresenta para divulgação o jingle "Farra do Boi", cuja letra é de autoria da Professora e ativista pelos direitos dos animais, Madalena Duarte, e música, arranjos, instrumental e voz do músico e publicitário Paulo Roberto Simões com coral infantil.

 

Baixe o jingle "Farra do Boi" em formatro MP3

 

Leia mais: Opinião Farra do Boi, por Halem Guera: "Mangueirão eleitoral e outras farras – O retorno"

Fonte: Halem Guerra Nery / Presidente do Instituto Ambiental Ecosul.




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.