29/07/2013

Em Brusque, Sistema FIESC lança Movimento A Indústria pela Educação


Movimento A Indústria pela Educação já registrou mais de 870 adesões em todo o Estado.
Foto: Marcelo Miyashita

 

Florianópolis - A Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC) realiza nesta quarta-feira, dia 31 de julho, o lançamento do Movimento A Indústria pela Educação em Brusque. O encontro reunirá lideranças de sindicatos de indústria e demais convidados da região na Sociedade Esportiva Bandeirante, na Avenida Getúlio Vargas, a partir das 19 horas. O conferencista Mozart Neves Ramos, que é membro da Câmara de Educação Básica do Conselho Nacional de Educação, falará sobre "A educação como fator de competitividade".

 

Segundo pesquisa realizada em 2011 pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), o problema da falta de trabalhadores qualificados - seja por educação básica ou por formação profissional - afeta 69% das empresas do país. Além de gerar dificuldades de contratação, a questão também afeta a capacidade das empresas brasileiras de enfrentar seus concorrentes internacionais. Segundo estudo realizado pela consultoria John Snow Brasil, é de 54% a diferença de produtividade entre os trabalhadores que possuem dois anos de escolaridade e os que têm cinco anos.

 

"Há uma relação direta entre educação, produtividade e capacidade de inovar", afirma o presidente do Sistema FIESC, Glauco José Côrte. "O Brasil ocupa hoje a 77ª posição no ranking elaborado pela Organização Internacional do Trabalho sobre produtividade dos trabalhadores", alerta. Além dos aspectos relacionados ao trabalho, Côrte também ressalta os benefícios que a educação proporciona em relação à cidadania, condições de vida e bem-estar social das pessoas que se qualificam.

 

Para contribuir com a melhoria do quadro educacional do Estado, SESI, SENAI e IEL - entidades integrantes do Sistema FIESC - ampliaram a oferta de serviços nas áreas de educação básica, continuada, profissional, executiva e em programas de estágio. Juntas, as entidades investirão R$ 330 milhões em infraestrutura e na realização de 800 mil matrículas até 2014.

 

Além das ações do Sistema FIESC, as indústrias da região de Brusque serão estimuladas a fazerem sua parte, tornando-se signatárias do Movimento e apoiando ações de educação relacionadas a seus trabalhadores. A iniciativa liderada pelo Sistema FIESC está ancorada na necessidade de contribuir para superar a fragilidade da educação nos aspectos relacionados à escolaridade, à qualificação profissional e à qualificação do ensino.

 

As indústrias podem cooperar, por exemplo, oferecendo infraestrutura necessária para a realização de formação dentro da empresa, promovendo o acesso a cursos de educação básica e profissional e premiando os trabalhadores que continuam seus estudos, entre outras ações. Mais de 870 adesões já foram registradas em todo o Estado.

Fonte: Elida Hack Ruivo - Assessoria de Imprensa do Sistema FIESC.




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.