29/08/2016 Edifício eficiente da Eletrosul vence Troféu Onda Verde

Edifício eficiente da Eletrosul vence Troféu Onda Verde

Foto: divulgação.

Eletrosul conquistou o Troféu Onda Verde, na categoria Gestão Ambiental, pelo projeto de eficientização do edifício-sede, localizado em Florianópolis (SC). Na última sexta-feira (26/08), membros da Assessoria de Pesquisa e Desenvolvimento representaram a empresa na cerimônia que homenageou os vencedores do 23º Prêmio Expressão de Ecologia, considerado a maior premiação ambiental da região Sul do Brasil, com reconhecimento do Ministério do Meio Ambiente.

 

Construído na década de 1970, o edifício-sede da Eletrosul já atendia na época as técnicas de ecoeficiência quanto à proteção térmica e iluminação natural, que contribuem para a redução do consumo de energia elétrica. Entre 2005 e 2007, os sistemas de climatização e iluminação foram modernizados com a instalação de luminárias de alto brilho e sensores eletrônicos em todas as áreas. Para a racionalização do uso da água, os sanitários foram equipados com tecnologias que visam reduzir o desperdício de água.

 

Em 2013, o edifício-sede recebeu etiquetas nível A para projeto e prédio construído do Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE), que é coordenado pela Eletrobras e pelo Inmetro. Em 2014, foi um dos primeiros prédios do País a receber o Selo Procel Edificações, criado para reconhecer soluções de eficiência energética de construções comerciais e residenciais. Na oportunidade, a Eletrosul foi escolhida para ser homenageada no lançamento do Selo Procel Edificações pelo seu pioneirismo na adoção de alternativas arquitetônicas e tecnológicas de eficiência energética e de uso racional da água em suas instalações.

 

Na cobertura do prédio e dos estacionamentos, abriga a Usina Megawatt Solar (1 MWp), o maior complexo de energia fotovoltaica integrada a um edifício na América Latina. E está sendo desenvolvido ainda um sistema de captação e uso de água da chuva para fins não potáveis. Essa captação ocorrerá na cobertura do edifício, onde as tubulações levarão a água até o reservatório de aproximadamente 300 m³, após passar por um sistema amortecimento e filtros. A água da chuva atenderá a demanda de 31 m³/dia dos vasos sanitários e do sistema de resfriamento das torres de ar condicionado.

 

Referência em eficiência energética

 

A Eletrosul vem ampliando a aplicação de tecnologias sustentáveis em suas instalações e contabiliza dez etiquetas PBE Edifica com nível A de Eficiência Energética, emitidas pelo Inmetro, distribuídas em cinco prédios. Em Santa Catarina, a empresa recebeu a certificação para a Casa Eficiente e sede administrativa, em Florianópolis, e ainda para o Centro Regional de Manutenção e Apoio à Operação de Campos Novos. Os dois últimos prédios também conquistaram o Selo Procel Edificações. No Rio Grande do Sul, a classificação máxima em eficiência energética foi emitida para o Centro de Visitantes do Complexo Eólico Cerro Chato e para o Centro Regional de Operação e Manutenção, ambos no município de Sant’Ana do Livramento.

Fonte: Eletrosul.




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.