30/07/2013

Governo de SC e Casan assinam contrato com agência francesa para ampliar saneamento no estado

 

O Governador de Santa Catarina, João Raimundo Colombo, e o Presidente da Companhia Catarinense de Águas e Saneamento – CASAN, Dalírio Beber, assinam nesta quarta-feira (31) o contrato de garantia do financiamento internacional de R$ 253 milhões e 281 mil com a Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) que serão investidos no Programa de Saneamento Ambiental de Cidades de Médio Porte de Santa Catarina. O ato acontece às 14 horas no auditório da CASAN, na Matriz da Empresa, na Rua Emílio Blum, 83, em Florianópolis, e contará com a presença do Diretor da AFD no Brasil, Gérard Larose, além dos prefeitos dos 12 municípios abrangidos pelo programa, entre outras autoridades.

 

A Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) é um órgão do governo francês que investe e contribui para o desenvolvimento social em diversos países do mundo. Em Santa Catarina a AFD está financiando o Programa de Saneamento Ambiental de Cidades de Médio Porte elaborado pela CASAN que envolve investimentos na implantação e ampliação da rede de esgotamento sanitário em 12 municípios das regiões Oeste, Meio Oeste, Vale do Itajaí, Litoral e Planalto Norte beneficiando, ao todo, uma população de mais de 330 mil pessoas.

 

O programa da CASAN com a AFD representa o primeiro contrato da instituição no país no setor de saneamento básico desde que a Agência francesa começou a operar com sua unidade no Brasil, a partir de 2007. Do atual montante contratado com a AFD a CASAN entrará com uma contrapartida de R$ 17 milhões e 66 mil, totalizando um investimento de R$ 270 milhões e 347 mil num período de quatro anos. Pelo projeto, com licitação de obras previstas até o final deste ano, serão construídos ao todo 500 quilômetros de rede com 35 mil novas ligações, 80 estações elevatórias e 10 estações de tratamento de esgoto sanitário com sistemas secundário e terciário.

 

Para o Presidente da CASAN, Dalírio Beber, a garantia do Governo do Estado está sendo fundamental para seja consolidado o financiamento com a instituição internacional, “permitindo que seja concretizada mais uma etapa histórica de investimentos na área do saneamento catarinense”. Com estes novos recursos, somados aos já contratados, o objetivo é promover um salto de qualidade no setor ampliando o índice de cobertura do esgotamento sanitário dos atuais 17% para 45% nos próximos anos na área de atuação da Empresa, que abrange 200 municípios do Estado, acrescenta o Presidente.

 

RESUMO DOS INVESTIMENTOS  NOS MUNICÍPIOS CONTEMPLADOS

Braço do Norte
 – R$ 17.734.591
Canoinhas – R$ 20.273.219
Sto Amaro da Imperatriz – R$ 5.959.457
Garopaba –R$ 33.209.591
Imbituba- - R$ 52.696,865
Curitibanos – R$ 32.350.033
Indaial – R$ 9.840.454
Ibirama – R$ 17.015.542
Piratuba – R$ 5.115.495
Chapecó – R$ 12.582.513
Videira – R$ 33.214.214
Caçador – R$ 27.847.937

Programa de Apoio
: R$ 2.507.739

TOTAL:  R$ 270.347.650 *


Total de recursos já com a contrapartida da Casan incluída (R$ 17,66 milhões).

Fonte: Assessoria de Imprensa da Presidência da CASAN




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.