31/10/2013

IAP participa de evento com cooperativa em Tibagi

Foto: Joana Serra / IAP

O Presidente do Instituto Ambiental do Paraná (IAP), Luiz Tarcísio Mossato Pinto, participou da reunião de gerência da cooperativa Integrada nessa quarta-feira (30/10) em Tibagi, Campos Gerais. A reunião de gerência da cooperativa teve como objetivo discutir assuntos relevantes para os seus cooperados e a relação do homem com a natureza.


Além das palestras ministradas por convidados e membros da cooperativa, o grupo fez um passeio junto com a equipe do IAP no Parque Estadual do Guartelá, uma Unidade de Conservação mantida pelo órgão ambiental que atrai centenas de turistas todos os anos. Na ocasião o presidente do órgão ambiental lembrou a importância de manter um com relacionamento e a proximidade com as cooperativas no Estado.

“Conhecemos de perto o trabalho que a assessoria socioambiental da Integrada faz com seus funcionários e cooperados. Isso para nós é muito importante pois ajuda a levar as informações para aqueles que mais estão em contato com o meio ambiente, o produtor rural”, explicou Tarcísio Mossato.

No encontro, o presidente da Integrada, Carlos Murate, falou do bom atendimento feito pelo IAP à cooperativa e seus cooperados que vem sendo construído ao longo dos últimos anos. “O nosso relacionamento é muito importante e tem sido cada vez mais próximo. O presidente do IAP pode ter certeza de que suas palavras serão levadas as nossas regionais e que nossos gerentes vão fazer com que a Integrada continue a contribuir com o trabalho do IAP”, disse.

Parque Estadual do Guartelá
O Parque possui o 6° maior canion do planeta em extensão. A principal atividade que pode ser realizada no local é a caminhada por sua trilha básica que é realizada sem guia. Nesse caminho é possível conhecer os panelões do Arroio Pedregulho, onde é permitido entrar na água. Também há um mirante para visualizar o canion do rio Iapó e a cachoeira Ponte da Pedra. A extensão da trilha é de cinco km (ida e volta) de dificuldade média. O tempo para fazer toda a trilha é de aproximadamente 2h30.

No Parque Guartelá há também a Trilha das Pinturas Rupestres que dá acesso aos panelões do Arroio Pedregulho, às pinturas rupestres de aproximadamente sete mil anos, ao portal de rochas areníticas, além de vários mirantes com vista para o canyon. Esse caminho possui seis quilômetros de extensão, a dificuldade é considerada média e deve ser feita com guia, com duração média de quatro horas.

Fonte: Agência de Notícias do Sistema FIEP




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.