26/10/2018 O que esperar para o desenvolvimento sustentável?

O que esperar para o desenvolvimento sustentável?

Foto: Clovis Fabiano.

Economistas avaliaram atual conjuntura na Conferência Ethos em SP

 

Durante a Conferência Ethos 20 anos, realizada nos dias 25 e 26 de setembro, em São paulo, Elena Landau, economista, advogada e presidente do Conselho Acadêmico do Livres; Marcos Lisboa, presidente do Insper; e Clemente Ganz Lúcio, diretor técnico do DIEESE, debateram as eleições sob o ponto de vista da economia no painel “A agenda econômica e as eleições 2018 – o que esperar para o desenvolvimento sustentável?”.

 

Jorge Abrahão, coordenador-geral da Rede Nossa São Paulo foi o mediador da conversa que abordou a polarização entre a direita e a esquerda no país. “Temos uma visão pervertida quanto ao debate entre esquerda e direita. No restante do mundo não é assim”, disse Lisboa. Já para o representante do DIEESE é preciso “qualificar o debate entre direita e esquerda”.

 

“A prioridade do Brasil é enfrentar a crise política, e para isso, precisamos nos manter abertos para diálogos e mais diálogos para atingirmos melhorias e enfrentar desigualdades”, ponderou Ganz.

 

Referente a questão econômica, Landau enfatizou que “não vamos resolver tudo através da economia” e se disse “pessimista” frente a possíveis cenários.

 

A respeito da otimização na utilização e canalização dos recursos que Abrahão questionou os convidados, Ganz avaliou que “a política pública tem que ter um sentido de enfrentar as desigualdades e para tanto será necessária uma profunda mudança na educação do Brasil”. E, Lisboa assentiu ao afirmar que “temos um país pobre à toa”.

Fonte: Rejane Romano - Instituto Ethos.




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.