30/10/2018 Mais de 250 organizações assinam compromisso global contra poluição por plásticos

Mais de 250 organizações assinam compromisso global contra poluição por plásticos

Cerca de 20 milhões de toneladas de plásticos acabam nos oceanos a cada ano. Foto: Flickr/ National Ocean Service Image Gallery (CC).

Governos, ONGs e outras 250 organizações, incluindo fabricantes, marcas, varejistas e recicladores de embalagens do mundo, assinaram um compromisso global para erradicar o desperdício e a poluição por plásticos em sua origem.

 

O Compromisso Global por uma Nova Economia do Plástico é liderado pela Ellen MacArthur Foundation, em colaboração com a ONU Meio Ambiente, e foi oficialmente lançado na conferência Our Ocean na segunda-feira (29), em Bali.

 

Governos, ONGs e outras 250 organizações, incluindo alguns dos maiores fabricantes, marcas, varejistas e recicladores de embalagens do mundo, assinaram um compromisso global para erradicar o desperdício e a poluição por plásticos em sua origem.

 

O Compromisso Global por uma Nova Economia do Plástico (fruto da iniciativa New Plastics Economy) é liderado pela Ellen MacArthur Foundation, em colaboração com a ONU Meio Ambiente, e foi oficialmente lançado na conferência Our Ocean na segunda-feira (29), em Bali.

 

Seus signatários incluem empresas que juntas representam 20% de todas as embalagens plásticas produzidas globalmente. Entre elas, empresas de bens de consumo como Danone, H&M, L’Óréal, Mars, Incorporated, Natura, PepsiCo, Coca-Cola e Unilever, além de importantes fabricantes de embalagens como Amcor, fabricantes de plásticos incluindo a Novamont, e a especialista em gestão de recursos Veolia.

 

A iniciativa é apoiada pelo World Wide Fund for Nature (WWF) e foi endossada por Fórum Econômico Mundial, The Consumer Goods Forum — uma organização liderada por presidentes de cerca de 400 varejistas e fabricantes de 70 países — e 40 universidades, instituições e acadêmicos.

 

Mais de 15 instituições financeiras com mais de 2,5 trilhões de dólares em ativos sob gestão também endossaram o Compromisso Global, e mais de 200 milhões de dólares foram assegurados por cinco fundos de investimento para criar uma economia circular para o plástico.

 

O Compromisso Global tem como objetivo criar uma nova realidade para as embalagens plásticas. As metas serão revisadas a cada 18 meses, e se tornarão ainda mais ambiciosas nos próximos anos. As empresas que assinarem o compromisso publicarão anualmente dados indicativos do seu progresso a fim de gerar impulso e garantir transparência.

 

As metas incluem eliminar embalagens plásticas problemáticas ou desnecessárias e migrar de modelos de uso único para modelos de reuso; inovar para garantir que 100% das embalagens plásticas possam ser reutilizadas, recicladas ou compostadas com facilidade e segurança até 2025; circular o plástico produzido, aumentando consideravelmente a quantidade de plásticos reutilizados ou reciclados e transformados em novas embalagens ou produtos; eliminar os plásticos desnecessários ou problemáticos é uma parte essencial da visão do Compromisso Global, e facilitará a manutenção dos plásticos remanescentes na economia e fora do meio ambiente.

 

“Sabemos que limpar as nossas praias e oceanos é essencial, mas isso não impede a maré de plásticos que invade os oceanos todo ano. Precisamos redirecionar o nosso olhar para a origem desse fluxo”, disse Dame Ellen MacArthur, fundadora da Ellen MacArthur Foundation.

 

“O Compromisso Global por uma Nova Economia do Plástico é um divisor de águas, com empresas, governos e outros ao redor do mundo se unindo em torno de uma visão clara do que precisamos para criar uma economia circular do plástico.”

 

“Esse é apenas um passo no que será uma jornada desafiadora, mas um que poderá gerar grandes benefícios para a sociedade, a economia e o meio ambiente. Eu encorajo todas as empresas e governos a irem além e embarcarem em uma trajetória de inovação na criação de uma economia circular do plástico. Uma em que esse material nunca se torne resíduo ou poluição.”

 

Para Pavan Sukhdev, presidente da WWF International, a crise do plástico só poderá ser solucionada com o esforço conjunto de todos os atores-chave do sistema. “A estratégia da WWF para os plásticos é promover, ampliar e acelerar um conjunto interligado de iniciativas pela mudança. Por isso, estamos trabalhando com outras organizações-chave, como a Ellen MacArthur Foundation, para transmitir uma mensagem conjunta sobre os nossos ambiciosos compromissos compartilhados, e para desenvolver as ferramentas necessárias para cumpri-los em parceria com empresas, a sociedade civil, governos e cidadãos”.

 

“A WWF, portanto, apoia o Compromisso Global por uma Nova Economia do Plástico, por considerar que é um importante passo para unir os esforços de empresas e governos do mundo em prol de soluções sistêmicas.”

 

A ONU Meio Ambiente, que lidera a Global Partnership on Marine Litter e sua Campanha Mares Limpos, também lançou no mês passado a Global Plastics Platform para apoiar esforços internacionais tratando da poluição por plásticos.

 

A organização declarou que usaria seu poder de mobilização para promover o engajamento de governos e outros atores-chave com a iniciativa. Os governos que assinam o Compromisso Global se comprometem a estabelecer políticas públicas e condições viabilizadoras para apoiar as suas metas e visão.

 

“O plástico nos oceanos é um dos exemplos mais visíveis e perturbadores da crise da poluição por plásticos. O Compromisso Global da Nova Economia do Plástico é um dos conjuntos de metas mais ambiciosos que já vimos até hoje na luta para combater a poluição por plásticos. Ele define os passos a serem dados por empresas e governos a fim de encontrar uma solução para a origem da poluição por plásticos e nós urgimos a todos os que trabalham para endereçar esse problema global que o assinem”, disse Erik Solheim, diretor-executivo da ONU Meio Ambiente.

Fonte: ONU Brasil.




Últimas notícias
Envio de Matérias
Portfólio editorial
Cadastro
Siga-nos no facebook

ENDEREÇO

Caixa Postal 21725
CEP 88058-970
Florianópolis - SC

CONTATO

expressao@expressao.com.br
Fone: (48) 3222-9000

Facebook Editora Expressão Twitter Editora Expressão SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS


Copyright © 2014 Editora Expressão. Todos os direitos reservados.